Sonda-me

Amar  o Papa é uma questão de fé…

Amar o Papa é dom que Deus nos dá!

881990_434606703283907_1555802941_o

Para quem é, verdadeiramente Católico Apostólico Romano é impossível, não dá, não tem jeito de não render-se a esse sentimento, essa alegria que nos toma, esse amor que brota do mais íntimo de nós… o amor ao Papa… Nossos olhos se voltam, focam em uma chaminé, nem ao menos conseguimos desviar nossos olhos dela, esperando, sonhando com uma fumaça branca!  Esperando um sinal de que já foi escolhido aquele que antes mesmo de conhecermos já amamos, respeitamos, admiramos e prometemos obediência. Afinal, é ele o “vigário de Cristo na Terra”!

577343_425606214197739_249102314_n

Nós, Católicos Apostólicos Romanos viajamos. Muitos de nós cruzamos o oceano unicamente para conhecer um senhor de cabelos grisalhos, só por que ele é o sucessor de Pedro, esse senhor é A pedra sobre a qual está fundamentada a Igreja.

A cada anuncio, Annuntio vobis gaudium magnum (Anuncio-vos uma grande alegria) o coração se alegra, e a Igreja em sua imensa sabedoria já inclui no rito a Grande alegria que é escutar um “Habemus Papam” (Temos um Papa)…

E nesse exato momento Deus nos concede uma graça, Ele olha para a nossa humanidade e então nos toca, vem e aumenta o tamanho do nosso imagescoração, para nos dar a capacidade de amar ao novo Papa sem deixarmos de amar seus antecessores.

Sim, eu já vivi dois pontificados, João Paulo II e Bento XVI! E os amo, admiro com toda a minha alma e coração. Continuo lendo seus textos, suas catequeses e continuarei lendo. Mas isso não me faz amar menos, pelo contrário, me faz amar mais o novo sucessor de Pedro. Faz-me entender que o Papa Francisco é o papa que Deus escolheu para nós nesse tempo! É Francisco o Papa sonhado e escolhido por Deus! É o Papa que devo amar também.

Desde agora já sonho com suas catequeses, encíclicas, suas homilias… pois um homem que eleito o Sumo Pontífice diz: “(…) peço-vos que rezeis ao Senhor para que abençoe a mim; é a oração do povo, pedindo a bênção para o seu bispo” e  inclina-se humildemente como quem necessita e quer contar com a oração do seu povo.

Siiimmmmm, em julho ele estará aqui! No Rio de Janeiro para a JMJ Rio 2013! E nós,  juventude católica o acolheremos com muito amor… pois Deus nos dá a graça de receber o Papa e toda a Igreja, aqui na cidade maravilhosa no Rio de Janeiro!!!

3papas

061204

  Vivemos uma época muito especial no Ano Litúrgico, o Tempo do Advento. Esperamos ansiosamente a vinda de Cristo, o Messias. O nascimento do Menino Deus há mais de 2000 anos numa manjedoura, faz-nos relembrar que Ele virá outra vez ainda, de forma definitiva, para implantar o “novo céu e a nova terra”. Com isso, somos conduzidos a certas reflexões: como tenho me preparado para o NATAL? E para a segunda vinda de Cristo?

   Preparar-se bem para o NATAL não é sinônimo de compras, papai Noel, luzes, panetone e peru, mas sim de SILÊNCIO, ORAÇÃO E CONTEMPLAÇÃO deste grande mistério Divino, mistério não pelo fato de que talvez seja verdadeiro ou não, mistério porque a nossa inteligência não consegue compreender na plenitude o motivo, a razão de um Deus fazer-se homem, pobre, só por Amor a cada um de nós.

   E quando Cristo virá novamente? Muitos se questionam sobre isso, mas a certeza é que só o Pai sabe. Profecias mirabolantes já “acabaram” com o mundo diversas vezes, contundo as pessoas não se cansam de acreditar em novas mentiras. A Igreja Católica permanece firme em sua Doutrina, na Sagrada Tradição e na Sagrada Palavra, e convida a cada um de nós a buscar e encontrar a Verdade, a fonte da nossa alegria e esperança… Devemos estar sempre atentos, orando e vigiando, buscando uma vida de santidade, para não sermos surpreendidos com a vinda de Cristo.

   Por fim, caso você está em dúvida se realmente vale a pena esperar a volta de Cristo, viver um NATAL Cristão, usarei um comentário feito pelo Professor Felipe Aquino: “NUNCA VI ALGUÉM QUE SEGUE A PALAVRA DE DEUS SE ARREPENDER, MAS JÁ VI MUITOS QUE SEGUIAM AS COISAS DO MUNDO CONVERTEREM-SE E SE ARREPENDEREM DA VIDA QUE LEVAVAM”.

   Viva um verdadeiro NATAL, ainda dá tempo!

Wesley Ferreira

135252_452753181447964_1931551082_oSe… sábado (01/12) foi dia de comemorar e agradecer a Deus por mais uma etapa vencida na vida dos nossos amigos, os novos Aspirantes, Gustavo, Danilo, Wesley, Caio e Victor (entre tantos outros…). Domingo (02/12) foi dia de agradecer a Deus por esses quatro anos de amizade!
               
Louvar a Deus pelo presen02te que Ele nos deu, nossa amizade! A distância chegou, mas… antes dela, chegaram momentos inesquecíveis, muitas risadas, muitas piadas, brincadeiras, brigas e discussões também, afinal que amizade não passa por isso? Foram tantas coisas ao longos desses quatro anos, que não dá nem para falar…
                Vamos sentir falta de tudo, de sentar em uma pizzaria e escutar pela milésima vez a história da Kátia Milene Suelen (que eu nunca se esqueço o nome dela!), saudade de montar uma pirâmide de garrafas de guaraviton, saudades das cosquinhas, saudades de ficar assustado com o tanto que o Gustavo e o Danilo são capazes de comer, saudades de ir a uma pizzaria e dicar bravo por ver o Wesley sair sem ter comido nada, saudades de virar a noite rezando mil ave-marias, saudade da simples conversa de dez minutinhos após a missa que faziam a diferença pela semana inteira, saudades dos bilhetes deixados na bateria do celular, saudade de ser colocado em uma geladeira ou até mesmo no lixo, saudade de rir do nada e por nada, saudade de ser feliz simplesmente por estar junto, por estar perto… Saudades de saber q o domingo acabou, mas que a sexta-feira logo chega e que iremos nos encontrar, 
Saudades das pessoas com quem passamos tantas coisas e com quem demos tanta risada. Saudades dos amigos que nos fizeram crescer, amigos que nos ensinaram a sermos pessoas melhores e principalmente fizeram de nós cristãos melhores. Amigos que escutaram, aconselharam, apoiaram e se opuseram também, consolaram, estiveram sempre conosco.01
                Foram quatro anos cheios de história pra contar, quatro anos pra edificar uma amizade que não acaba aqui. Isso é só um virgula, agora muda um pouco, porque a saudade se junta ao carinho e  a amizade .
                Por quatro anos foi Deus quem nos uniu, e a partir de agora não vai ser diferente. Em cada oração estaremos intercedendo uns pelos outros, em cada comunhão Cristo eucarístico vai nos unir! Pois como diz a música que o Filipe compôs “e quando no céu chegar, quero te encontrar!” 
Hoje temos a graça de poder sentir saudades de vocês, porque por quatro anos foram presença constante, e constantemente sinal de Deus em nossas vidas. A partir de agora vai ser assim, longe fisicamente, mas sempre presentes na memória e no coração!
532364_3855743443476_1867166316_n
SONDA-ME
Tags:

Data especial…

Hoje é dia 29 de outubro, dia dela, a nossa padroeira a Beata Chiara Luce!!!

Papa Bento XVI: “Convido-os a conhecê-la. A sua vida foi breve, mas a mensagem é grande… Dezenove anos plenos de vida, amor e fé. Os últimos dois anos cheios de sofrimento, mas sempre com amor e luz, uma luz que irradiava ao redor dela, nascida do seu íntimo: do seu coração cheio de Deus.”

Não tem como falar da santidade da Beata Chiara Luce sem citar esta frase de Abbé Pierr: “Os santos não estão limitados a um catálogo, e nós, certamente, cruzamos com eles todos os dias”.

Uma jovem bela, cheia de vida, atleta, ativa e uma cristã, uma jovem normal. Alguém que soube viver! Viver de verdade, sair com os amigos, se divertir, rir, brincar… simplesmente VIVER! Antes de qualquer coisa, ela soube na normalidade, no cotidiano, viver a SANTIDADE. Chiara soube viver a sua juventude em plenitude. Como ela mesma disse: Não posso correr mais e gostaria de passar a vocês a tocha, como nas olimpíadas… porque nós temos uma única vida e vale a pena vivê-la bem!

Desde sua infância foi capaz de sonhar os sonhos de Deus, e encarar com leveza e alegria tudo o que Deus foi pedindo a ela. Costumava dizer que em tudo devia dar seu melhor, para que diante de Deus estivesse tranquila, e seu melhor foi colocado em tudo, na sua relação com os pais ou com os amigos, nas suas tarefas diárias e nos estudos,  sempre ela se dedicava totalmente.

Não posso ser analfabeta de uma mensagem tão extraordinária: O Evangelho.Chiara entendeu, e até hoje testemunha para nós a beleza do Evangelho e a necessidade de estarmos atentos a ele, pois é Evangelho é extraordinário e é atual. Sua vida foi uma atualização do Evangelho, pois em tudo seguia


Mesmo quando eu não tiver “nada”, tenho um coração e com ele posso AMAR!!”.
Chiara costumava afirmar que tinha tudo, não precisava de mais nada, mesmo depois de descobrir o câncer, aos 17 anos, sua postura não mudou. Sempre preferiu servir, doar-se ao próximo do que ser servida, e permaneceu firme e decidida a fazer a vontade de Deus, “Se Tu queres Jesus, eu também quero!”.o exemplo de Jesus.

Uma vida que de certa forma pode ser considerada curta, mas 18 anos, (pois faleceu um poucos dias antes de completar 19 anos), vividos em constante proximidade e intimidade com Deus a levaram para a eternidade junto com Ele.

Fidelidade, talvez seja uma boa palavra para descrever a vida de Chiara Luce. Foi fiel durante toda a sua vida, enquanto saia com os amigos seu principal objetivo era “dar Deus, pois falar de Deus não era o suficiente!” Mesmo no sofrimento foi fiel, abraçando a cruz de Cristo a partir de sua doença.

Só que Chiara tinha algo a mais, algo que atrais todos a estar em volta dela, era como um imã, como um dos Gen amigo de Chiara descreveu. Ela tinha um imã, uma luz, algo que atraia sempre, ninguém conseguia se distanciar dela. E esse imã era sua santidade. Santidade que se sentia e experimentava ao estar perto dela, Chiara levava Deus não apenas em suas falas, mas principalmente em seu olhar e agir.

Chiara nos provou que a santidade é sim uma meta alcançável, e que vale a pena lutar para alcançar. Ela nos mostrou com seu exemplo que os santos não estão limitados a um catálogo, e que nós se olharmos com atenção poderemos ver que cruzamos com santos cotidianamente.

Beata Chiara Luce, rogai por nós!

#ficadica – http://www.youtube.com/watch?v=Zb1XSl-Omm4&feature=plcp

https://grupojovemsondame.wordpress.com/?ref=spelling

Clara

Um projeto que o próprio Espírito Santo inspirou, para que possamos em nossas casas, ou no nosso trabalho fazermos o nosso momento de oração usando esse dom tão lindo que é a música.
Que nossos lábios proclamem e bendigam as maravilhas do Senhor, que nossos ouvidos se abram para a doce voz de nosso Deus e que nossos corações entoem um hino de louvor a Deus.
Amados irmãos em Cristo Nosso Senhor, que pelas mãos da Doce Maria Santíssima, nossa adorável Senhora,  o próprio Espírito Santo, seu esposo, possa abençoar e fazer frutificar esse projeto.
A Ti Consagramos Virgem Mãe nosso trabalho e tudo o que fazemos para que a Senhora, possa engrandecê-lo e apresentá-lo a Deus.

Beata Chiara Luce – Rogai por nós
Beato Pier Giorgio Frassati – Rogai por nós
Beato João Paulo II, O Grande – Rogai por nós
“Se Tu queres Jesus, eu também quero”
Amém!

Abraço,

Filipe

É, ficamos no débito, faltou nosso post de parabéns para o grupo!!!
Não é todo dia, nem todos os grupos que chegam aos seus 17 anos! Uma história linda, marcada pela presença e, principalmente, pela misericórdia de Deus em todos os momentos, pois, apesar de nossas fraquezas, Ele sempre veio em nosso socorro!
Não sei nem como explicar o que o Sonda-me significa para nós, só Deus sabe o tamanho do meu amor pelo grupo e por seus membros, e o quanto Deus usa do sonda-me para a minha salvação!!!
Entãããooooo… Parabéns a todos os que estão aqui hoje, que estiveram aqui um dia, todos nós que um dia fizemos parte disso tudo!
Eeeeee… Como todo aniversariante merece presente… O presente do nosso Grupo Jovem veio na semana seguinte! E não tinha como ser melhor! (Alguém discorda?)
O XXI EnjusC, um Maranatha, na Casa de Maria. E não existem palavras para expressem tamanha perfeição! Ficou claro que Deus surpreende e sempre arruma novos meios para nos tocar. Ele estava claramente passando por nós, passando e deixando sua marca.
Ficou claro que na Casa de Maria só vai quem ela escolhe, quem ela chama. Seu cuidado e sua presença eram tão reais , que foram quase físicas, éramos capazes de sentir seus carinhos de mãe.
Cada palestra, cada “colocação”, cada momento vivido, foram tão tocantes e palpáveis, era como se fosse nosso dia-a-dia . Na adoração Jesus tão próximo, em nosso meio, e diante Dele admitir que sentíamos saudades, mas que estávamos de volta. E ali, diante de Jesus na Eucaristia, juntos, entregamos nossos corações, pois nada possuíamos de mais valioso.
E a noite de sábado??? Impossível descrever! Como foi dito em uma das pregações, não adianta apenas falar sobre o Espírito Santo, é necessário deixar com que ele aja em nós. Foi exatamente o que aconteceu! Com o coração aberto e sedento, todos recebemos o Espírito Santo, e estando cheios Dele percebemos o quanto ele é essencial, ou melhor, o quanto o Espírito Santo é a nossa essência.
O domingo, não ficou por menos; tão maravilhoso quanto. Perceber o quanto nossa Igreja é maravilhosa, não nos falta nada, somos abençoados por sermos Católicos Apostólicos Romanos.
As amizades que ficaram… quando chegamos lá éramos 54 encontristas, e hoje podemos dizer que somos 54 amigos, sem contar com os que fizemos por lá… Já que Deus em sua infinita misericórdia nos presenteia a cada dia com novos tesouros e novos sustentos para a nossa caminha rumo ao céu!
Agora…. só nos resta buscar uma coisa, a PERSEVERANÇA, pois o mundo é forte e ele tenta a todo momento nos derrubar, mas juntos e com a Igreja somos mais fortes do que ele. Devemos saber ouvir o que Deus quer de nós e colocar em prática. Para isto, é necessário fazermos uso da Palavra, da Oração, da Confissão. Façamos de tudo para sermos Santos de Calça Jeans. Sempre buscando as coisas do alto (Verso l’alto!)
Beijinhos,

Melhor presente não há!! XXI EnjusC

No último final de semana, aconteceu o Festival Halleluya, no Rio de Janeiro, da Comunidade Católica Shalom. Um festival que não é só música, mas também missas, adoração, reconciliação com Deus, encontro com amigos…Foi um dos eventos que está preparando a cidade do Rio para o grande evento que a agitará em 2013: a Jornada Mundial da Juventude. Não dá para explicar em uma só palavra o que Halleluya significou para os que passaram por lá. Foram cerca de 20 mil pessoas que passaram pela Quinta da Boa Vista entre sábado e domingo, e que viveram essa explosão de sentimentos.

O Halleluya é muito mais do que um festival de artes… o Halleluya vai muito além!

Halleluya é olhar e ver milhares de jovens ao seu lado e ter a certeza de que não estamos sozinhos! Ver que existem muitos jovens que amam a Igreja e não tem medo de declarar isso, e dizer “Somos sua juventude Benedictus!”. E que por mais que tentem nos calar, nossa voz sempre ressoará… Amamos a Deus acima de tudo e por Ele vivemos, amamos a Igreja e por ela somos capazes de tudo, nossa meta é o céu.

Halleluya é andar pelas ruas e reconhecer pela camisa aqueles que buscam o mesmo caminho que nós, e olhar nos olhos e ver que temos o mesmo brilho, porque sonhamos com a mesma meta!
Halleluya é ter uma experiência com o amor de Deus e com a liberdade com a qual Deus nos criou. É ver que para Deus não importa se em algum momento nos desviamos do seu caminho, porque Ele vai ate nós e com seu infinito amor nos leva de volta à Sua presença. É assistir Deus nos carregando em seus braços!

Halleluya é ouvir de Deus que Ele nos ama imensamente e por isso nos tem como amigos, que “não sou mais chamado um servo Teu, mas amigo escolhido por Ti”. Ter a certeza de que foi Deus que me amou e escolheu.

Halleluya é ver o próprio Deus, sob o véu eucarístico, passando ao meu lado e comigo 10mil jovens de joelhos, reconhecendo a presença de Cristo em nosso meio. E juntos fazermos silêncio para melhor ouvirmos a palavra de Deus.

É sempre bom renovarmos essa certeza do amor que Ele tem para conosco.

E, claro, que o Sonda-me tinha que ter representantes lá, ne?! Neste fomos nós (Clara e Amanda), Luci, Daniel,Davi(que é meio Sonda-me, meio Shalom), Bruna e Alexandre.

No Halleluya, fazemos coisas que há muito tempo não fazíamos: sambamos, pulamos, gritamos, cantamos.

Halleluya é, de fato, a festa que nunca acaba! Porque toca nossa alma, nos revela a imensidão do amor de Deus, nos dá forças para viver em santidade, nos mostra que não estamos sozinhos! Tudo o que vivemos no Halleluya se atualiza no nosso dia-a-dia e nos marca para sempre.

Beijinhos,

Clara e Amanda

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.