Sonda-me

Posts Tagged ‘Shalom

No último final de semana, aconteceu o Festival Halleluya, no Rio de Janeiro, da Comunidade Católica Shalom. Um festival que não é só música, mas também missas, adoração, reconciliação com Deus, encontro com amigos…Foi um dos eventos que está preparando a cidade do Rio para o grande evento que a agitará em 2013: a Jornada Mundial da Juventude. Não dá para explicar em uma só palavra o que Halleluya significou para os que passaram por lá. Foram cerca de 20 mil pessoas que passaram pela Quinta da Boa Vista entre sábado e domingo, e que viveram essa explosão de sentimentos.

O Halleluya é muito mais do que um festival de artes… o Halleluya vai muito além!

Halleluya é olhar e ver milhares de jovens ao seu lado e ter a certeza de que não estamos sozinhos! Ver que existem muitos jovens que amam a Igreja e não tem medo de declarar isso, e dizer “Somos sua juventude Benedictus!”. E que por mais que tentem nos calar, nossa voz sempre ressoará… Amamos a Deus acima de tudo e por Ele vivemos, amamos a Igreja e por ela somos capazes de tudo, nossa meta é o céu.

Halleluya é andar pelas ruas e reconhecer pela camisa aqueles que buscam o mesmo caminho que nós, e olhar nos olhos e ver que temos o mesmo brilho, porque sonhamos com a mesma meta!
Halleluya é ter uma experiência com o amor de Deus e com a liberdade com a qual Deus nos criou. É ver que para Deus não importa se em algum momento nos desviamos do seu caminho, porque Ele vai ate nós e com seu infinito amor nos leva de volta à Sua presença. É assistir Deus nos carregando em seus braços!

Halleluya é ouvir de Deus que Ele nos ama imensamente e por isso nos tem como amigos, que “não sou mais chamado um servo Teu, mas amigo escolhido por Ti”. Ter a certeza de que foi Deus que me amou e escolheu.

Halleluya é ver o próprio Deus, sob o véu eucarístico, passando ao meu lado e comigo 10mil jovens de joelhos, reconhecendo a presença de Cristo em nosso meio. E juntos fazermos silêncio para melhor ouvirmos a palavra de Deus.

É sempre bom renovarmos essa certeza do amor que Ele tem para conosco.

E, claro, que o Sonda-me tinha que ter representantes lá, ne?! Neste fomos nós (Clara e Amanda), Luci, Daniel,Davi(que é meio Sonda-me, meio Shalom), Bruna e Alexandre.

No Halleluya, fazemos coisas que há muito tempo não fazíamos: sambamos, pulamos, gritamos, cantamos.

Halleluya é, de fato, a festa que nunca acaba! Porque toca nossa alma, nos revela a imensidão do amor de Deus, nos dá forças para viver em santidade, nos mostra que não estamos sozinhos! Tudo o que vivemos no Halleluya se atualiza no nosso dia-a-dia e nos marca para sempre.

Beijinhos,

Clara e Amanda